Saiba qual o trabalho da logística reversa nas empresas

Se você tem uma empresa que considera vigente nos padrões sustentáveis, onde segue e apoia práticas de preservação ao meio ambiente, provavelmente já ouviu falar de logística reversa. Ainda não tem conhecimento deste termo? Então, com certeza, você não está inteirado por completo de todos os processos de sustentabilidade. A adoção de práticas sustentáveis promove múltiplos benefícios para a empresa e para a sociedade, dentre os quais, podemos citar o reaproveitamento de recursos e também a melhoria da imagem corporativa da empresa. Ambas atividades são rentáveis não só no âmbito financeiro, mas também social. As tendências de mercado evidenciam que empresas que não se adequarem à prática de logística reversa, terão uma grande chance de perder mercado. Se você deseja estabelecer esta prática, comece sabendo agora qual o trabalho da logística reversa nas empresas.

O que é logística reversa?

Ao falarmos da prática de logística reversa nas empresas, podemos caracterizá-la como uma ferramenta que desenvolve a empresa econômica e socialmente, implantando práticas que visam o recolhimento e a reciclagem de resíduos de produção. A prática propõe, após o recolher e reaproveitar o material, destiná-lo um propósito ambientalmente correto e isto influi em adicioná-lo a outros ciclos produtivos.

Afinal, é recente a tal logística reversa?

o-que-e-logistica-reversa-garrafas-retornaveis

A prática da logística reversa não é recente. As pessoas fazem logística reversa há muito tempo sem se dar conta. Na verdade, num dado período, a prática teve menos abrangência, com a utilização de garrafas pet, principalmente, e também de outras embalagens descartáveis. Pode-se tirar como exemplo da prática, a devolução das garrafas de vidro a bares que as preenchiam de bebida e reutilizam sem descartar. Esta prática não é exatamente a logística reversa de hoje em dia, mas parte do mesmo principio.

Como funcionará o processo?

A prática estabelece que o ciclo iniciará com os consumidores, que devolverão os produtos antes só “descartáveis” em postos de coleta. Seguindo o processo, os comerciantes indicarão estes postos de arrecadação, onde as indústrias farão a coleta para reciclagem. O processo ocorrerá com apoio do governo federal, que tem planos de institucionalizar a prática, criando e fiscalizando campanhas de conscientização.

Ex :. Utilizando como exemplo uma fabricante de lonas, o processo seguirá esta ordem:

O consumidor irá adquirir a lona e, após desejar descartar, a encaminhará a postos de coleta indicados pelos comerciantes, onde este material será retirado pela fábrica posteriormente. O fabricante irá então, reciclar este material e transformá-lo no mesmo produto, ou em outro de mesma natureza.

Quais são os benefícios de implantar a logística reversa nas empresas?

Os benefícios são vários. Pode-se citar desde a redução de custos, com a reciclagem e reaproveitamento, até a humanização da imagem da empresa, premissa essencial para que uma empresa se mantenha em alta.

Redução de Custos:

Com a reciclagem, o investimento em material primário será bem reduzido. Resultado: uma grande redução de custos.

Humanização da marca:

Atualmente, as pessoas se vinculam às marcas muito mais pela ideia que há por trás, do que pela funcionalidade e características do produto, por exemplo. Ao criar uma imagem responsável social e ambientalmente, essencialmente humana e que denote proximidade às pessoas, haverá muito mais chances de não só vender mais, mas de fidelizar clientes e conquistar admiradores. E, seguindo esta postura, mesmo que um individuo não se interesse pelo seu produto, ainda assim, poderá simpatizar com a marca da mesma maneira, o que também é extremamente positivo. “Eu não uso o produto X, mas acho fantástica a maneira como eles pensam.” Isso é muito rico para qualquer empresa.

Redução do Volume de lixo:

Atualmente, as pessoas são acometidas por uma forte sensibilização pelo planeta. Esta preocupação reflete em tudo e, consequentemente, em todos. Com a redução do volume do lixo, haverá menos poluição e menos preocupação em investir o tempo dos colaboradores no manuseio destes resíduos. Este tempo poderá ser dedicado às tarefas corretas e à outras de maior lucratividade.

Adequação à lei:

Com a mudança nas legislações do meio ambiente, há uma fiscalização muito maior em relação às praticas abusivas das empresas. Estabelecer a logística reversa na empresa irá reduzir muito os riscos de sofrer penalidades.

Logística reversa também é planejamento

A logística reversa não existe sem um projeto. Assim como as outras práticas de logística, a reversa também só existe com um projeto alinhado. Caso não haja organização prévia, de solução, a logística reversa pode passar a ser um problema. Isso pode acarretar em itens duplicados no estoque e retrabalho de separação e conferência de material. É muito importante compreender que a logística reversa nas empresas merece toda a atenção nos processos, não é apenas só mais um diferencial competitivo, futuramente, será uma exigência vital do mercado. Por isso, nada melhor do que se adiantar e sair na frente dos concorrentes inovando não só na produção, mas também na gestão desta produção.

Se você ainda não tornou vigente a prática de logística reversa na sua empresa, chegou a hora de abrir os olhos para o mercado e manter a sua empresa viva. Inovar nem sempre é simples, mas é sempre necessário. Inicie as práticas de logística reversa na sua empresa e compartilhe conosco a experiência!